O pensamento humano


O pensamento humano modificou o mundo!

Olhe ao seu lado e veja tudo que foi criado pelo ser humano. Tudo que você está vendo e que foi criado pelo ser humano foi antes pensado por ele.

Tudo que foi criado existiu antes na mente humana.

“Penso, logo existo”. A frase de Descartes mostra o quanto é vital para o ser humano o “pensar”.

O ser humano com as asas do pensamento viaja sem sequer sair do lugar.

O pensamento permite ao ser humano colocar diante de si algo para ser avaliado, compreendido ou escolhido sem ter esse algo efetivamente à sua frente.

O pensamento, para ser melhor entendido, é uma atividade da inteligência e da consciência que possibilita ao homem conhecer e aprender coisas através da abstração e da inteligência.

O pensamento humano


A verdade de cada um

Quando de posse desse “conhecer”, o ser humano formula em si mesmo uma concepção da verdade da “coisa”.

Verdade seja dita que a verdade obtida pelo ser humano é bastante relativa, pois a verdade por ele percebida é a que lhe é possível perceber através dos sentidos que tem.

Assim, quando falo em “verdade da coisa” estou me referindo à verdade formulada por aquela pessoa, ou seja, a sua verdade. E, muitas vezes, as verdades construídas por algumas pessoas são descabidas para outras pessoas.

O ser humanamente pensante

O pensamento como fruto da inteligência também serve para caracterizar o homem e a sua racionalidade, pois coloca o homem atuando em seu meio não apenas através dos instintos e dos hábitos.

Outro ponto de diferenciação e qualificação do homem diante de todos os outros seres do planeta é o de permitir que o homem estabeleça relações e a partir destas compreenda e repasse conhecimentos através da linguagem, e esta só acontece como o exercício da inteligência como pensamento.

Pensar para poder existir

Por que tal afirmação?

A resposta para este questionamento vem ao compreendermos o papel do pensamento diante da inteligência, que é a característica de diferenciação do ser humano.

Não que alguém não exista quando não está pensando!

A ideia é a de que ao pensar é que faço a coisa existir em mim.

Ao entendermos que a inteligência recebe, capta, absorve o que chega a ela através dos sentidos, veremos que a simples “absorção” não é o ciclo completo do conhecimento; é necessário elaborar, conceber, conceituar o que foi apreendido, e este é o papel exercido pelo pensamento.

O conceito ou ideia é o que dá “significado”!

O motor da história humana

O pensamento é o “motor” da história do mundo desde que o homem se tornou racional.

O homem ao tomar posse da capacidade de pensar passou a construir a história ao lado da natureza, hoje, inclusive, modificando a própria natureza e de forma até exagerada e nada inteligente.

O pensamento humano elabora conceitos, idealiza, dá significado, cria juízos e faz com que o homem tenha dentro de si um universo bem peculiar.

O pensamento permite ao homem ao ver uma flor que ele conceitue essa flor não apenas como um “pedaço de mundo”, mas que esta flor “simbolize” para ele a chegada de uma estação ou a lembrança de uma situação, ou ainda que formule em si um acontecimento futuro ao planejar dar a simples “flor” como um presente para a pessoa que deseja ter ao seu lado.

O homem através do “pensamento” dá validade à expressão: “feito à imagem e semelhança de Deus”.

 Paulo Rogério da Motta