Os mitos de retorno ao paraíso

Os mitos de retorno ao paraíso marcam a trajetória humana que começa a vida como feto no paraíso e barriga da mãe, é expulso e passa a vida à procura do paraíso.

Os mitos de retorno ao paraíso

Os mitos de retorno ao paraíso


Os mitos de retorno ao paraíso é outro enredo recorrente em mitos.

Trata-se de um tema que une o mito de origem ou cosmogônico e o mito apocalíptico.

Tais mitos também são a estrutura do mito da jornada do herói.

O mito que aqui chamo de “retorno ao paraíso” são os mitos que se iniciam com a criação de um lugar que contem a beatitude da criação original e então acontece a degeneração ou saída deste lugar e então é buscada a regeneração ou volta para este lugar.

O Gênesis bíblico é uma clássica ilustração deste mito em que Adão e Eva são expulsos do Éden, o paraíso criado por Deus.

Os mitos de retorno ao paraíso

Tal tema encontra ressonância na psicanálise de Freud que coloca a criança no período fetal como alguém que vive num paraíso, que é a barriga da mamãe e o nascimento é sua expulsão deste paraíso.

O ser humano durante toda sua vida busca um retorno ao paraíso que um dia conheceu e a influencia deste mito é presente em toda a sua trajetória de vida em situações como a idealização de um lar perfeito, a construção de uma família perfeita e uma idealizada vida em que será feliz todos os dias.

A trama contida na bíblia contem inúmeros ingredientes dos enredos míticos:


A cosmogonia

Aparece com a criação do mundo em sete dias por Deus.


O mito de origem

Pode ser visto na criação do homem.


O Mito apocalíptico

O fim do mundo que acontece com o apocalipse.


O mito do retorno ao paraíso

Acontece quando depois do apocalipse os eleitos passam a ter uma vida gloriosa num mundo recriado e novamente com a presença de Deus.


A própria busca de Deus por parte do ser humano é uma demonstração da influência mítica na natureza humana do que Jung chamou de influência arquetípica.

A busca de Deus, seja para um retorno à divindade, seja para a morada num céu, mostram o anseio humano de retorno ao paraíso.

Isso explica porque tantas histórias iniciam com “era uma vez” e terminam com “e viveram felizes para sempre”.

Os mitos de retorno ao paraíso

Paulo Rogério da Motta