Inteligências Múltiplas


Howard Gardner, americano, desenvolveu a teoria das Inteligências Múltiplas estabelecendo uma mediação entre os aspectos biológicos, psicológicos e culturais.

Gardner propõe uma visão pluralista da mente.

Inteligências Múltiplas


As Inteligências Múltiplas

Gardner propõe uma visão da inteligência dividida em sete diferentes competências.

  • Linguística/Verbal
  • Lógica-matemática
  • Corporal-Cinestésica
  • Visual e Espacial
  • Musical
  • Interpessoal ou Social
  • Intrapessoal

Goleman acrescenta mais duas ao afirmar que ninguém tem menos do que nove inteligências.

  • Naturalística
  • Pictográfica

Se considerarmos o ser humano também como um ser espiritual, além de biopsicossocial, podemos ainda acrescentar a:

  • Inteligência Espiritual

Cada competência é relativamente independente das outras.

 As competências não desenvolvidas ficam inertes ou cristalizadas.

As inteligências múltiplas

Inteligências


Inteligência Verbal ou Linguística

Características prováveis: Sensível a regras; organizado; sistemático; gosta de ler, ouvir, escrever, jogos de palavras; tem boa memória; pode ser bom orador público e debatedor, embora alguns possam preferir a escrita ou comunicação oral.

Normalmente encontrada em: escritores, poetas, redatores de textos para jornais, roteiristas, oradores, líderes políticos, editores, publicitários, jornalistas e redatores de discursos…

Exemplo de pessoa famosa: Winston Churchill, jornalista britânico, tornou-se orador, líder político e escritor.

Como usar essa força para a aprendizagem: Contar histórias; discutir; ler e escrever histórias; entrevistar; produzir, editar e supervisionar revista ou jornal…


Inteligência Lógica-Matemática

Características prováveis: Gosta de raciocínio; aprecia cálculos; gosta de ser organizado, preciso, resolução de problemas; utiliza estrutura lógica…

Normalmente encontrada em: matemáticos, cientistas, engenheiros, rastreadores de animais, investigadores de polícia, advogados e contadores…

Exemplo de pessoa famosa: Marian Diamond, professora de Neuroanatomia na University of California em Berkeley.

Como usar essa força para a aprendizagem: Estimular a resolução de problemas e jogos matemáticos; incentivar a interpretação de dados; utilizar experimentos práticos e previsões; integrar organização e matemática em outras áreas curriculares; usar raciocínio dedutivo; empregar computadores na resolução de tarefas…


Inteligência Corporal Cinestética

Características prováveis: Controle excepcional do próprio corpo e de objetos, com boa sincronização e reflexos (mente mecânica ); aprende melhor se movimentando e participando da aprendizagem; gosta de se envolver com esportes e com artes manuais, de tocar, de representar e utilizar métodos manipulativos; lembra do que foi feito e não do que foi dito ou observado; muito responsivo ao ambiente físico…

Normalmente encontrada em: bailarinos, atores, atletas, mímicos, cirurgiões…

Exemplo de pessoa famosa: Daiane dos Santos, ginasta.

Como usar essa força para a aprendizagem: Integrar o movimento em todas as áreas; usar a dança, o movimento, os jogos e as técnicas manipulativas para aprender; artesanato; usar o corpo para se concentrar e relaxar; fazer viagens; utilizar drama, papéis dramáticos…


Inteligência Visual e Espacial

Características prováveis: Pensa em figuras; cria imagens mentais; utiliza metáforas; gosta de arte: desenho, pintura e escultura; lê com facilidade mapas, gráficos e diagramas; tem bom senso de cores…

Normalmente encontrada em: arquitetos, pintores, escultores, navegadores, jogadores de xadrez, naturalistas, físicos teóricos, estrategistas de campo de batalha…

Exemplo de pessoa famosa: Escher.

Como usar essa força para a aprendizagem: Utilizar figuras para aprender; criar símbolos; fazer atividades visuais; assistir, criar e editar vídeos, utilizar mímica, procurar novas perspectivas…

Vídeo: M. C. Escher


 Inteligência Musical

Características prováveis: Sensível ao poder emocional e à organização da música; rítmico; ouvido musical…

Normalmente encontrada em: artistas, compositores, maestros, concertistas, engenheiros de gravação, fabricantes de instrumentos musicais, afinadores de piano, culturas sem um linguagem escrita tradicional…

Exemplo de pessoa famosa: Mozart.

Como usar essa força para a aprendizagem: Tocar um instrumento musical; trabalhar com música; aprender através de canções, de poemas com rima completa, jogral; ligar-se a um coral ou a um grupo musical; escrever música; usar música para relaxar…

Vídeo: Sungha Jung – California dreaming


Inteligência Interpessoal ou Social

Características prováveis: Relaciona-se e associa-se bem; consegue “ler”as intenções de terceiros e situações sociais; aprecia estar com pessoas, tem muitos amigos e gosta de mediar disputas; comunica-se bem; as vezes, manipula; gosta de cooperar…

Normalmente encontrada em: políticos, professores, líderes religiosos, conselheiros, vendedores, gerentes, relações públicas e “pessoas em geral”…

Exemplo de pessoa famosa: Jô Soares, apresentador de programa de entrevistas.

Como usar essa força para a aprendizagem: Desenvolver a cooperação; orientar os outros; trabalhar em equipes; integrar a socialização em todas as partes do currículo e praticar a “conversa social”…


Inteligência Intrapessoal

Características prováveis: Autoconhecimento; sensibilidade aos valores próprios de cada um; sensibilidade aos objetivos de vida de cada um; tem um senso bastante desenvolvido do eu; habilidade intuitiva; profundamente consciente das próprias potencialidades e fraquezas; pessoa reservada; deseja se diferenciar dos demais…

A capacidade central de inteligência intrapessoal é a habilidade de acessar o próprio eu interior. Alguns sentem intuição como uma habilidade aparentemente inata de saber sobre os outros ou eventos.

Normalmente encontrada em: romancistas, conselheiros, sábios, filósofos, gurus, pessoas com um profundo senso do eu, místicos…

Exemplo de pessoa famosa: Platão, filósofo.

Como usar essa força para a aprendizagem: Ter conversas pessoais de “coração para coração”; usar atividades de crescimento pessoal para romper bloqueios à aprendizagem; reservar tempo para reflexão interior; fazer estudo independente; ouvir sua intuição; discutir, refletir ou escrever o que vivenciou e como se sentiu; fazer diários de história pessoal; questionar…


Inteligência Naturalística

Características prováveis: Trata bem da natureza; pratica esportes ao ar livre; gosta de acampar; aprecia os animais e plantas e o meio ambiente; estuda os ecossistemas…

Normalmente encontrada em: biólogos, paisagistas, ecologistas, pessoas que adoram estar em contato com a fauna e flora…

Exemplo de pessoa famosa: José Lutzemberger, ecologista.

Como usar essa força para a aprendizagem: Viajar para conhecer os diferentes ecossistemas; plantar, colher e produzir alimentos; cuidar de animais; consumir produtos ecológicos ou orgânicos; pesquisar e preparar receitas naturalistas…


Inteligência Pictográfica

Características prováveis: Lida bem imagens; aprecia o simbolismo; utiliza-se de metáforas; gosta de desenho…

Normalmente encontrada em: chargistas, artistas plásticos, desenvolvedores de logotipos…

Exemplo de pessoa famosa: Maurício Ricardo.

Como usar essa força para a aprendizagem: Estudar o simbolismo, desenho, artes plásticas; pesquisa baseada em cores, figuras…


Inteligência Espiritual

Características prováveis: Pessoa com facilidade para concentrar-se; tende à reflexão e ao estudo; gosta de dedicar seu tempo a causas justas; possui diálogo interior; ouve as pessoas; tem fé no transcendental e  age com generosidade e solidariedade…

Normalmente encontrada em: místicos, sacerdotes, religiosos, pessoas que se dedicam ao transcendental…

Exemplo de pessoa famosa: Gandhi.

Como usar essa força para a aprendizagem: Colaborar com ONGs; participar de retiros religiosos; organizar campanhas solidárias; aprender a ver o ponto de vista do outro; pesquisar e respeitar as diferentes religiões…


As inteligências múltiplas

A expressão da inteligência

O fato de termos uma inteligência que se destaca das demais e o modo como as nossas inteligências se inter-relacionam acabam por indicar um estilo de vida e um estilo de trabalho distintos.

Podemos potencializar nossas inteligências múltiplas e nossa inteligência emocional com ações, como:

  • Interação entre os indivíduos;
  • Lidar com suas emoções e as emoções dos outros;
  • Comunicar-se eficazmente e solucionar problemas pessoais;
  • Resolver conflitos e permanecer motivado.

Todos somos potencialmente talentosos, mas de maneiras diferentes.

Toda pessoa tem seu estilo de aprendizagem, de trabalho e temperamento preferidos.


Veja também…

Vídeo: As cinco mentes de Gardner


Martin Luther King: “Se alguém varre as ruas para viver, deve varrê-las como Michelangelo pintava, como Beethoven compunha, como Shakespeare escrevia.”.